Não é a toa que o Facebook, proprietário do WhatsApp, desenvolveu o  WhatsApp Business, um novo aplicativo de celular voltado para as pequenas e médias empresas.
Nessa ferramenta nova há a possibilidade de criação de um perfil empresarial com dados como descrição do negócio, endereço, site e e-mail, além de outras funções. Ainda há a possibilidade de auto respostas, respostas de ausência, criação de macro de mensagens e etiquetar de conversas (esse em especial adorei).
O WhatsApp já era realidade para muitos brasileiros como ferramenta de trabalho.
Sabemos que o Brasil é o segundo país que mais usa o aplicativo no mundo, perdendo apenas para a África do Sul. Já o Ibope, em 2017, revelou que o mensageiro está em 91% dos smartphones dos brasileiros. Se considerarmos que já temos algo próximo de um smartphone para cada habitante praticamente e que a população brasileira chega aos 207 bilhões de habitantes, chegaremos a um número de mais de 180 bilhões de brasileiros com WhatsApp. É um público que não podemos ignorar. É uma rede social incrível para se fazer negócios e uma das grandes tendencias desse ano de 2018.
Mas, como em toda rede social, há alguns cuidados importantes que devem ser tomados para você não se tornar um usuário indesejado ou se transformar num spam para o seu cliente.  Confira algumas dicas:

Dica #1

Assim como seu mailing, não envie nada sem autorização ao seu cliente pelo o WhatsApp. Peça autorização ao cliente para incluí-lo na lista de transmissão de sua empresa para receber as novidades, lançamentos, descontos, promoções, dicas, entre outros ou crie um grupo e envie convite para ele participar. Eu particularmente não gosto muito de grupos para isso, a não ser que seja para discussão educação e captação de novos clientes. Tenha uma relação de respeito com o consumidor. Comunique somente o necessário, algo que o tornará interessado em consumir o seu produto ou serviço. Nada de forçar intimidade e invadir sua privacidade mandando correntes, mensagens diárias de “bom dia!”, “boa tarde!” e “boa Noite!”. Preserve-o para receber informações estratégicas sobre o seu negócio. Planeje o envio de mensagens. Ah, e claro, evite horários inconvenientes.

Dica #2

Cuidado com o que envia e o que se escreve. Lembre-se que o aplicativo possui um corretor de texto abençoado (sic) que pode transformar uma ingênua palavra num palavrão. Portanto antes de dar o “enviar” , revise o texto antes de mandar. Acrescente uma foto legal, crie um vídeo curto (feito por você mesmo usando o celular) apresentando um novo produto, novo prato ou um novo espaço de sua empresa que irá beneficiá-lo. Seja criativo! E quando receber uma mensagem do cliente, responda de forma educada, mesmo que não goste do que foi dito. Nada de transformar o WhatsApp num ringue, você não quer ser bloqueado, né?

Dica #3

Crie uma relação de respeito e vínculo com ele. Use o WhatsApp para conquistá-lo, fidelizá-lo e torná-lo importante. Cliente gosta de mimos, de ser lembrado. Além de enviar dicas de produtos e serviços de sua empresa, transforme o WhatsApp num SAC (Serviço de Atendimento ao Consumidor). Envie uma mensagem no pós-venda para ele avaliar o produto, o serviço ou o seu atendimento. Também aproveite para cumprimentá-lo em datas especiais – aniversário, Natal, dia dos pais, das mães etc. Crie promoções com descontos exclusivos para ele via WhatsApp. Mostre que ele está tendo um tratamento diferenciado por se comunicar com você pelo WhatsApp.

Dica #4

Como montar grupos para o meu negócio? Primeiro passo, grupos pequenos (no máximo 20 pessoas) e por afinidade. Você tem de perceber o interesse do cliente, segmentar as informações e convidá-lo a participar de um grupo que tenha mais coisas relacionadas ao seu perfil. Caso tenha uma loja de calçados, por exemplo, pode criar grupos voltados ao público feminino, masculino, infantil e para esportistas. O grande desafio é mantê-lo interessado na comunicação enviada pela sua empresa. Para isso, você terá de conhecê-lo, ser criativo e estabelecer uma relação de respeito com ele. Mas lembre-se, criar um grupo possibilita que um cliente tenha acesso ao contato de outro cliente: use isso com muita cautela. Não coloque nesse grupo pessoas que não são bem relacionadas com seu negócio. Uma pessoa mal intensionada pode colocar seu negócio por agua abaixo. Não vai ser incomum um cliente procurar outro para o que chamamos de prova social: ele vai perguntar sobre a experiência dele com um produto ou serviço. Portanto só adicione nesse grupo pessoas que tenha certeza não criar um ambiente negativo.

O WhatsApp hoje é uma de minhas principais ferramentas de trabalho. Diria que seria possível ter todo meu negócio em volta dele para relacionamento com clientes.

Se você quer saber mais como eu uso o meu WhatsApp para negócios, me procure no 11 947212153 via WhatsApp


Leave a Reply

Your email address will not be published.